Notícias

Novos Cras

Saúde

O governador Raimundo Colombo, o secretário de Estado da Assistência Social, Trabalho e Habitação, Valmir Comin, e secretária executiva da 34ª Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Timbó, Lúcia Steinheuser Gorges, assinaram na tarde desta quarta-feira, 18, no Centro Administrativo, em Florianópolis, as ordens de serviço para a construção de 20 Centros de Referência de Assistência Social (Cras). Os municípios de Timbó e Rodeio, pertencentes à ADR de Timbó, também serão contemplados com esse investimento.

Os recursos, no total de R$ 6,8 milhões, serão disponibilizados por meio do Programa Pacto pela Proteção Social. “Esse é um programa de alto alcance social que vai atender a população mais carente de Santa Catarina, prestando um serviço de assistência, psicológico e de proteção”, ressaltou o govenador.

Cada Cras terá 171 metros quadrados, com construção que atende aos padrões de acessibilidade e espaço físico compatível com o trabalho social. Os municípios contemplados também vão receber a mobília, que somam R$ 300 mil de investimentos.

O Cras é uma unidade pública responsável pela organização e pela oferta de serviços da proteção social básica do Sistema Único de Assistência Social (Suas), nas áreas de vulnerabilidade e risco social dos municípios. O objetivo é de prevenir a ocorrência dessas situações, dando ampliação do acesso aos direitos e cidadania.

“Esse serviço é de extrema importância e faz diferença na vida da pessoas, principalmente quando podemos atender a comunidade necessitada em um ambiente com acessibilidade, bons equipamentos, conforto, qualidade e profissionais qualificados”, afirmou a secretária Lúcia.

Além de Timbó e Rodeio, os demais municípios contemplados com os novos Cras são Agrolândia, Alto Bela Vista, Apiúna, Dona Emma, Presidente Nereu, Erval Velho, Imaruí, Jaraguá do Sul, Schroeder, Maracajá, Sombrio, Pomerode, Rio do Oeste, Rio Rufino, São Ludgero, Serra Alta, Vargeão e Vidal Ramos.

30 de Outubro de 2017

Deixe seu comentário