Notícias

Reforços da APAN Vôlei Blumenau se apresentam

Esporte


Time estreia dia 26 na Superliga B, no Ginásio do Galegão

Blumenau – O ponteiro Thiago Alves, vice-campeão olímpico pela Seleção Brasileira (Londres/2012) e o oposto cubano Isbel Mesa, com passagens pela Seleção daquele país, já estão em Blumenau para reforçar o time da APAN Vôlei. Mas a participação de ambos na Superliga B ainda não tem previsão. A APAN estréia na Superliga B no dia 26 de janeiro (sábado), contra o São José Vôlei (SP). O confronto inicia às 20 horas, no ginásio do Galegão.


A recuperação de Thiago Alves



Thiago Alves se apresentou ao grupo na última sexta-feira, antes do treino realizado no Galegão. O atleta está em fase final de recuperação de uma lesão no ombro, sofrida em 2014. Mesmo com o problema diagnosticado, seguiu jogando, mas sem conseguir desempenhar o seu melhor. No ano passado, passou por uma cirurgia.


O foco é exclusivo na recuperação da lesão e ir voltando aos poucos, mas o ponteiro demonstra entusiasmo com a oportunidade propiciada pela APAN Vôlei. “Sou muito grato ao time por estar abrindo as portas para mim. Temos uma parceria, onde vou usar toda a estrutura deles nessa volta. Vou fazer o meu máximo para ajudá-los”, comentou o atleta. Ele tem consciência das dificuldades que passará nesse retorno, após mais de ano sem jogar, mas está motivado para esse recomeço. “Estarei à disposição da equipe para ajudar no que for preciso, mesmo antes de estar liberado para jogar normalmente”, finalizou.


Thiago Alves tem 32 anos e atuou oito anos na Seleção Brasileira adulta. Foi vice-campeão olímpico em Londres/2012. Também fez história na Superliga ao conquistar cinco títulos – três com a Cimed (SC), um com o RJX (RJ) e o quinto vestindo a camisa do Sesi-SP.


A transferência internacional do central cubano



O central cubano Isbel Mesa assinou contrato e já treina com o a equipe da APAN Vôlei Blumenau. Mas sua participação na Superliga B está sujeita a aceitação do transfer por parte da Federação Internacional de Vôlei (FIVB).


A diretoria da APAN encaminhou um pedido especial para que sejam pagos apenas 10% do valor do contrato e assim pode colocar o atleta cubano em quadra. Pelas regras atuais, o clube precisaria desembolsar 17 mil francos suíços (cerca de R$ 64,1 mil) para obter a liberação. Esse recurso seria repassado para Federação Cubana de Vôlei. “Já houve esse tipo de liberação e estamos otimistas”, explicou Luís Fernando Pamplona Novaes, vice-presidente da APAN.


A Superliga B



O APAN Vôlei Blumenau fará sua estreia na Superliga B no dia 26 de janeiro, contra o São José Vôlei (SP). A competição reunirá outros sete times: Botafogo (RJ), Anápolis Vôlei (GO), UPIS (DF), Apav vôlei (RS), JF Vôlei e Lavras Vôlei (MG). Na fase classificatória, Blumenau fará quatro dos sete jogos em casa, entre o dia 26 de janeiro a 09 de março. Eles serão sempre aos sábados, às 20 horas, no ginásio do Galegão.

15 de Janeiro de 2019

Deixe seu comentário